A História da Igreja de São Benedito
14 de junho de 2024
A História da Igreja de São Benedito
14 de junho de 2024

A História da Igreja de São Benedito

A planta da igreja é regular, desenvolvendo-se em três níveis: pavimento térreo, pavimento superior e torres sineirais. Edificada em alvenaria, rebocada e pintada na cor goiaba, com moldura, frisos e pedra piracuruca. A cobertura é de telha barro. O interior completamente modificado, com inserção de elementos novos não condizentes ao estilo arquitetônico. O piso original, era de barro cozido, sendo trocado por piso cerâmico depois da metade do século XX. Entre o acervo móvel e integrado da igreja de São Benedito estão: Retábulos do século XIX (1875) e do inicio do século XX; seis lápides parietais do século XIX; três sinos de 1866, além de objetos litúrgicos. Entre as imagens estão: Duas esculturas de São Benedito, Bom Jesus dos Passos, Nossa Senhora das Dores, Nossa Senhora da Conceição, Santa Rita de Cássia, Nossa Senhora dos Anjos, Senhor Morto, todas do século XIX.

Atualmente a configuração territorial da Paróquia de São Benedito já não é mais aquela que fora delimitada nos seus primórdios, haja visto a criação de novas Paróquias e até mesmo cidades, mas ainda possui um grande número de comunidades na sede e, na zona rural, atendendo aos fiéis católicos com uma grande quantidade de pastorais, movimentos, grupos, associações, ministérios que ao longo do ano realizam importantes celebrações durante o calendário litúrgico.